segunda-feira, 5 de junho de 2017

Sue Hecker & Cassandra Gia - A Fênix de Fabergé

Sinopse: 
Um homem sofrido, por anos amargurado pelas lembranças que marcaram seu corpo e alma. Superou a tragédia e se tornou capaz de enfrentar situações difíceis. A inocência e os sonhos do menino, incinerados cruelmente, renasceram das cinzas, em forma de desejos e anseios do homem cheio de energia e poder.
Vive intensamente todas as oportunidades para ser feliz. Seu grande objetivo: vingar-se do responsável que esmagou o sonho de sua família e fazer justiça. Nada nem ninguém o demoverá de seus planos!
Uma mulher oprimida e abusada, inconsciente de suas desconhecidas e múltiplas facetas. Sempre solitária, não tem relacionamentos duradouros, apenas lembranças dos que conheceu na infância, que guarda como uma gestante a seu filho que, nos momentos de perigo, o esconde e o protege no ventre.
Simples e bela, sonha preencher os espaços vazios de sua alma com histórias, amizades e amor, para ter a riqueza de uma vida estável e segura. Capaz de ser obediente e passiva diante de um pai abusivo, é cheia de personalidade e desejos. Não desistirá de seus sonhos por nada nem ninguém!
Aleksei e Kenya, artistas itinerantes que despertam encantamento e alegria por onde passam. Dois seres que, ao cruzarem o caminho um do outro, viverão, como os Ovos de Fabergé, um enigma que esconde surpresas inimagináveis, um amor cheio de perfeição e beleza sedutora ou o prenúncio de um esplendor condenado à destruição.
Uma história de magia, encantamento, deslumbre e humor contagiante, inspirada na centenária arte circense de todos os tempos e na admirável e fantástica cultura russa. Senhoras e Senhores, o Gran Circo Asjevilétui (Oживлять - Renascer) apresenta-lhes... A Fênix de Fabergé.


Resenha:

Um livro criativo, rico, emocionante e arrepiante! Impossível não entrar no ritmo dessa obra depois de terminar de ler o livro. Então, recomendo a leitura da resenha como se fosse um apresentador circense narrando!

Respeitável público! Leitores vorazes, mulheres curiosas e maiores de dezoito anos, apresento a vocês a história que começa com tragédia, fogo e desesperança, transcorre com emoção,  encanto e diversão e termina com beleza, ação e perfeição! Com suas raízes formadas na Rússia, esse espetáculo é rico em cultura circense nacional e russa! (aplausos)

Começamos o espetáculo com uma menina corajosa que se transforma em uma mulher forte, batalhadora e cheia de elasticidade. Kenya, a contorcionista desse show irá narrar seu ponto de vista e fará com que seus sentimentos se desloquem a cada movimento, de amor a raiva, de angústia a alívio. (aplausos e urros)
“Mas existe algo que impeça uma bela borboleta de voar, com suas asas quebras que hipnotizam os desavisados.”
Na sequência, Aleksei também narra seus acontecimentos com fortes emoções. Ele é um rapaz esperançoso, que se encanta com a coragem de Kenya com apenas dez anos no mesmo dia que vê
todos os seus sonhos e anseios irem por água abaixo pelo pai dela.
Mas não se aflijam, público querido! Esse é apenas o começo de uma linda história de vingança, mas onde o amor prevalece acima de tudo. (exclamações)

Acompanhem, queridos espectadores, a ascensão de Aleksei depois de sua tragédia no circo. Ele superou a dor física e emocional, criou seu próprio empreendimento circense e prosperou como um poderoso empresário. (palmas)
“Ele é carismático, sensual e irreverente, tornando o show mais excitante.”
Enquanto isso, atentos leitores, Kenya foi privada de suas escolhas sendo apenas um capital humano nas mãos de Adrik, seu pai. Ele era tão abusador, que a fez acreditar que todo o esforço e assédio era para o próprio bem dela. (vaias)

Ah, improváveis ouvintes! Assim que o caminho dessas duas pessoas se cruzam em um misto de vingança e luxúria, tudo o que parecia estar escrito nas estrelas foi se revelando aos poucos conforme a matrioska (boneca russa) era sendo aberta, revelando uma a uma as bonecas menores. E, como uma boa e excepcional contorcionista, os acontecimentos também se revelaram chocantes! Como tanta coisa importante e inacreditável poderia acontecer com esses dois artistas cheios de marcas e brutalmente marcados pela vida?
 (exclamações)
Não se espantem, público atento! Enquanto as personagens se apaixonam, o palhaço Bimbom, o trapezista tatuado e o motociclista corajoso irão fazer parte dessa trama com suas performances peculiares e lições de vida. (risos)
“um palhaço, mesmo que destroçado por dentro, tem o dom de fazer as pessoas à sua volta sorrirem.”


Admirável plateia, não se enganem, porque junto com a magia do circo, essa história abordará assuntos reais e atuais, como abuso psicológico, o poder do amor de um ente querido, a vinda dos russos para o Brasil, a realidade do circo e dos seus artistas. O feitiço das apresentações nesse livro te encantará e a realidade proporcionará uma experiência sem igual. (aplausos de pé)

PS.: QUERO MAIS! Bis! Bis!

Autora: Sue Hecker & Cassandra Gia Facebook


Sobre a autora: 

Sue Hecker é, na verdade, um pseudônimo escolhido por uma grande amiga da autora. Tem 42 anos e é casada com um marido super companheiro, com que tem um filho maravilhoso. Criar estórias e dividi-las com as pessoas começou como um passatempo, que se transformou numa experiência mágica. Ao começar a postar sua primeira criação, nunca, em toda a sua vida, sentiu-se tão amada e querida por tantas novas amigas, conquistadas durante a postagem da estória. Sempre foi uma devoradora de livros e, atualmente, flagra a si mesma sonhando, cada vez mais, em usar sua inspiração para criar mais estórias. Acha incrível como os personagens falam com ela, a todo momento! Na escrita, encontrou a melhor terapia para muitas coisas. Afirma que, em cada palavra que escreve, há mensagens ditadas por sua sensibilidade, que encontra eco em seu coração.


Onde comprar:


7 comentários:

  1. Magicamente linda essa resenha.
    Estou lendo o livro e sem sombra de dúvidas, estou encantada com o rico conteúdo sobre culturas e variados assuntos.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Não sou muito de ler livros de romances nacionais, não por preconceito, mas por puro comodismo em ler um determinado tipo de leitura, porém, por indicação e pedido de uma amiga querida, resolvi comprar e ler esse e, confesso, fiquei agradavelmente surpresa, pois não esperava uma história com tanta qualidade em termos de pesquisa e apresentação de elementos de uma cultura tão pouco conhecida por nós, brasileiros, como a russa, nem, tampouco, que se passasse num ambiente em que não vi muitas histórias até hoje, que é o do circo. Foi incrível como as autoras conseguiram misturar tudo isso e construir uma história bonita e coerente. Gostei muito de ter saído de minha, digamos, "zona de conforto" para ler esse livro. Recomendo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. valeu a pena, né Madalena? Esse livro foi magnífico!!!

      Excluir
  4. A resenha corresponde super bem à magia do livro! Parabéns à resenhista e às autoras.

    ResponderExcluir
  5. Que máximo!! Obrigada pela linda resenha e pelo carinho! Ameeeei... abraço bem apertado!

    ResponderExcluir