sábado, 10 de março de 2018

Karen Dorothy – Jay

Sinopse:
CONTEÚDO ADULTO!

Você já imaginou como se desenvolve o universo dos filmes adultos? Já parou para pensar no que acontece nos bastidores da indústria pornográfica? Há prazer real? Existe a possibilidade de desenvolver sentimentos? Cada ator tem o seu próprio mundo e carrega toda uma bagagem individual. Por trás das câmeras, existem filmes inteiros que precisam ser deixados de lado no momento em que o diretor grita “ação”.

Jessica Willians é o principal nome feminino de filmes adultos em Los Angeles e junto com seu melhor amigo, protagonizou centenas de filmes que despertaram a cobiça e desejo de infinitas pessoas.
Jayden Smith, modelo e fã assumido dos filmes protagonizados por ela, é um dos candidatos para ser seu novo co-starring. Juntos, eles vão nos mostrar o quão excitante e complicada pode ser a vida nos bastidores deste universo.

Resenha:
Apesar do mundo retratado na história seja diferente do real, eu gostaria, realmente, que fosse verdade. O mundo dos filmes adultos não é tão lindo e acolhedor como a autora retrata e por isso gostei muito da delicadeza e valorização da mulher que ela deu para Jess. Dona de suas vontades e seus parceiros, ela é uma grande estrela do mundo adulto e agora, será arrebatada por seu novo companheiro, Jayden.

Em um mundo onde a noiva de seu companheiro de cena é sua melhor amiga (um caso raro tanto na vida real quanto nos livros), entramos no universo onde o prazer não tem pudor e vergonha. Todos os sentidos estão à flor da pele e será necessário respirar fundo para todas as cenas íntimas que a história irá te proporcionar.

Fugindo do seu passado, Jess aceita se tornar uma atriz de filmes adultos para suprir algo que falta na sua vida, além do dinheiro, claro. Tenho certeza que mesmo gostando tanto da coisa, ninguém sonha em ator se não fosse por um benefício extra. Ela é poderosa, comanda a cena e também seu enredo.

Diferente de muitos pensamentos, porque conversei com outras leitoras do livro, eu não fiquei com raiva da mocinha, mas sim do mocinho. Raiva, imaturidade e ciúmes serviram de combustível para o clímax do livro e isso me chateou... mas também me fez adorar essa história. Não gosto quando os personagens fazem tudo certo, prefiro os errados e uma boa justificativa no meio, porque isso torna a história mais real, consigo me colocar no lugar dos dois e ter empatia ao mesmo tempo que raiva.

Claro, Jay se redime, mas não antes de sofrer com minha chibata, mentalmente.

Em busca de uma história que desperta sentimentos de luxúria, amor, raiva e por fim contentamento? Arrisque-se com Jay e entre no mundo dos filmes triplo X!

Autora: Karen Dorothy

Sobre a Autora: Nascida em Franca, interior de SP, e onde mora até hoje, descobriu há alguns anos o amor pela leitura e desde então não parou mais. Arrebatada de ideias e rodeada de amigas – que conheceu justamente por causa dos livros – que lhe davam muito apoio, começou a se arriscar na escrita. Mãe de uma princesinha de seis anos e uma batalhadora na luta contra os terríveis sintomas do Lúpus, encontrou na escrita também uma forma de não se afundar em depressão, deixando que os personagens que tanto lhe falam na cabeça criassem vida em suas histórias românticas e sempre com uma pitada de drama. Cinco semanas de música é seu romance de estreia.

Onde Comprar:

2 comentários:

  1. Aaaaaaahhhhhh que morri agora ❤️❤️❤️❤️ amei a resenha Mari e também estou mega feliz por ter gostado da história! Muito obrigada pelo carinho 😍😍😍😍

    ResponderExcluir