domingo, 17 de dezembro de 2017

A. K. Raimundi – Na Doçura do Pecado

Sinopse:
"Me envolver com ele seria meu doce e perigoso pecado, também poderia ser minha ruína."

Justine Wells nunca foi de se contentar com pouco. Desde nova aprendeu que sempre haverá dois tipos de homens: alguns podem te levar aos céus, outros podem te levar à ruína.
Justine se sentia à vontade no mundo dos advogados. Uma mulher com faro espetacular para encontrar bons clientes, assim como ter seu nome estampado entre os melhores dos melhores da cidade de Chicago. Com fama e tudo que sempre quis, Justine não se prendia a ninguém, seus sonhos com príncipes encantados foram destruídos pelas frequentes traições do seu ex-marido, Michael Macollin.
Uma mulher com fogo nas veias e muito apetite para curtir ao máximo sua vida, descobre que sexo casual é o melhor companheiro que poderia ter, além de um sapato Loubotin.
Mas nada poderia prever que, ao cruzar seu caminho com o sedutor Chris Hens, Justine estaria ariscando demais sua carreira e, quem sabe, um amor verdadeiro.

Resenha:
Se alguém me perguntar qual livro me fez mudar conceitos, com certeza falarei sobre “Na Doçura do Pecado”. Justine é a epítome da mulher moderna, da liberdade sexual e “eu pago minhas contas e ninguém tem nada com isso”.
Dessa vez, nessa história, a pessoa apaixonada e não importa o quê é o motorista de Justine. Apesar de sentir como uma facada no coração cada vez que ela arranjava um homem, Earl era fiel a seu sentimento e a cada página eu torcia para que ele não perdesse as esperanças na sua mulher.

A narrativa é em primeira pessoa, grande parte pela mocinha, mas temos o prazer de entrar na cabeça dos mocinhos em uns poucos capítulos. Até o final, não sabemos o que esperar de um ou de outro.

Como eu disse anteriormente, Justine era moderna, se envolveu com um homem lindo, misterioso e que sofria um processo de abuso e violência doméstica. Com o coração na mão, fiquei entre bater na mocinha ou nesse homem misterioso, até porque, todos são inocentes até que se prove o contrário. Que agonia não saber a verdade da história, mas o final não decepciona, pelo contrário, me fez ver a mulher moderna de um jeito diferente!
Do jeito que gosto, com mistério, tiro-porrada-bomba e narração em primeira pessoa, essa história me envolveu e me fez ler tudo em uma sentada apenas.

Autora: A. K. Raimundi Facebook Wattpad

Sobre a Autora: Leitora compulsiva, me aventuro desde ficção, aventuras, magias, comecei muito cedo minha paixão por livros e desde então não parei mais. De Harry Potter até romances eróticos... 
Descobri na escrita uma nova paixão, dando vida a personagens, cidades, histórias. Atualmente escrevo o terceiro livro da Série Renda-se se puder. Trazendo em cada livro uma história tórrida de amor, mostrando até onde o amor pode nós levar.. cada romance com uma essência especial.

Onde Comprar:

Ruth Arnaldo – Nas Cores do Amor

Sinopse:
Lis ama quatro coisas na vida, mais que tudo! Sua família, o jornalismo, cachorros e Johnny Depp.
Ela cursa jornalismo e trabalha no jornal da universidade, tudo que ela mais quer é provar seu valor, e, acha que o fato de ter dinheiro e uma beleza estonteante não a ajuda em nada, então, passa a esconder seus belos olhos azuis, atrás de um óculos sem grau e a vestir-se com suas malucas roupas coloridas. 
Um belo dia, nossa engajada estudante de jornalismo se mete em confusão e precisa urgentemente de ajuda. Então, o destino coloca o sexy cabeludo Dimitri no seu caminho, ele não é só lindo e misterioso, é simplesmente a cara do Depp. Rapidamente Lis associa o marrento e misterioso Dimitri a Depp, o ator pelo qual ela é fascinada. E na longa lista de coisas que a Lis ama, Dimitri agora figura em primeiro lugar, e sua nova missão é provar para o calado e tatuado Dimitri que ela é tudo que faltava em sua vida. E quando Lis quer algo, ela costuma conseguir! 
Dimitri não quer sua aproximação. Ele tem seus próprios problemas sombrios para lidar, e tudo que ele não pode é se deixar seduzir pela maluca garota cheia de vida que insiste em fazer aparições no seu caminho. Mas, como é duro se esquivar de sua personalidade vibrante, corpo tentador e sorriso perfeito. 
Embarque nessa deliciosa história recheada de diversão, e prepare-se para nesta viagem se apaixonar por este casal adorável, inusitado e muito sensual.

Resenha:
Depp e Arco-íris é o casal mais incomum que já li. De um lado, Depp é Dimitri, parecido com Jhonny Depp e cheio de mistério. Do outro lado temos a linda mocinha que se esforça para parecer feia, para que as pessoas reconheçam suas ações e não sua aparência.

Narrado em primeira pessoa por grande parte pela mocinha, é impossível não rir das loucuras que passa pela mente dessa jovem universitária.
Uma investigação, um socorro e a vida desses opostos se cruzaram.

Outra situação inusitada para mim foi os pais da mocinha serem muito amigos. Mesmo Dimitri ter todos os pré-requisitos de badboy, pai e mão não se importaram e praticamente “jogaram” Lis para a primeira noite dos dois.
Há, preciso comentar do amor pelos cães de Lis e o amigo inesperado de Dimitri, que apesar de ser idoso, parecia uma criança indefesa.


Tratando todo o assunto com leveza e comédia, Ruth trouxe uma história para colorir as páginas da amazon!

Autora: Ruth Arnaldo Facebook Wattpad

Sobre a Autora: Nasci em Juazeiro, interior da Bahia, onde resido atualmente com meu marido e dois lindos filhos. Graduada em história pela universidade de Pernambuco tenho verdadeira fascinação não só pela história, mas também pela literatura. Sou romântica por natureza...amo ler, escrever e assistir séries. Adoro fazer amizade e conhecer pessoas, seja pessoalmente ou nas redes sociais e estou sempre disposta a conversar sobre livros.


Onde comprar:

M. S. Fayes – Dangerock 02 – Malcom

Sinopse:
Depois de meses de turnê, malcom rubber, o baterista sério e compenetrado da dangerock, aceita o convite do amigo para passar duas semanas de um descanso merecido na casa de hannah, a irmã mais velha de phil. Ele só não imaginava ficar encantado pela linda e meiga babá do pequeno maxwell, sobrinho do phil. Ashley collins se desdobra em dois empregos para conseguir vencer os obstáculos que a vida lhe impôs. Em meio a um momento difícil, ash não tinha se preparado para dar chance ao amor ou viver as experiências que uma jovem da sua idade normalmente vive. Mas bastou colocar os olhos em malcom, e seu coração tomou um ritmo preocupante e acalentador. Os dois não faziam ideia de que aquele encontro estava destinado a curar feridas e apaziguar as dores que enfrentariam.

Resenha:
Quem curtiu Evy e seus meninos em Dangerock estava mais do que ansiosa pelo segundo. Malcom foi o mocinho cheio de conselhos profundos e queridos no primeiro livro e agora, seu próprio coração foi arrebatado.
De folga na casa de Phil, o integrante mais louco e inusitado da face do mundo literário, Malcom conheceu tampinha, ou melhor, Ashley, a babá mais fofa de todos os tempos.

Sim, minha gente, nesse livro só há exageros para as fofuras das protagonistas, que narram em primeira pessoa toda essa história.
Ash está em uma batalha sem igual para não perder o último integrante da sua família, sua avó. Para bagunças com seus hormônios e sua vida, Macom a paquera como um verdadeiro... roqueiro/baterista fofo. Ele soube ser bruto, ter pegada e ainda ser um príncipe para nossa mozona Ash.

Apesar de pretendentes ameaçadores, namoro a distância e algumas lágrimas deixadas para ensopar as páginas do livro, Martinha soube seguir uma sequencial de fatos que não deixou a leitura cansativa.

Acho que não precisarei dizer que ainda quero mais de Mitchel e claro, Phil (o que posso fazer, meu EU literário é mais bandido que apaixonado).

Vale comentar sobre a capa maravilhosa e a logo original. A jogada de cores é fenomenal!

Autora: M. S. Fayes Facebook HomePage

Sobre a autora: M. S. Fayes é o pseudônimo de Martinha Fagundes, conhecida na internet por suas divagações sarcásticas sobre todos os tipos de livros.

De leitora ávida e curiosa para escritora foi um pulo. Esposa, mãe de dois rebentos, dona de casa, fisioterapeuta, professora, blogueira, desenhista e escritora, ela encontra em suas múltiplas personalidades a inspiração para criar seus personagens.
Incansável, ela sempre está criando um universo próprio, com bastante romance e emoção. De sua cabeça saem simultaneamente várias histórias, onde o foco principal é o próprio leitor.

Onde Comprar:
Amazon

Sabrina Lucas – Série Cicatrizes 03 – Aprisionado Coração

Sinopse:
O bem-sucedido Artur Gonzales nunca imaginou disputar uma mulher com seu próprio irmão. Um verdadeiro cavalheiro, diferente do seu irmão impulsivo, venerava o sentimento chamado amor até então.
Uma briga, uma fuga e tudo o que ele acreditava ficou trancafiado no passado, sem acesso ao presente. Esses acontecimentos o consomem dia após dia, mesmo que ele negue.
A vida poderia continuar sendo apenas negócios e rancor, até conhecer Betina. Ela tinha suas próprias inseguranças para lidar, porém, nenhuma delas tinha a ver com seu poder de sedução. Dona de um corpo atlético e apaixonada pela dança, sua profissão, ela não precisará de muito esforço para seduzir Artur “poderoso” Gonzalez.
A atração é aterradora, eles não lutam para refrear o que sentem. Porém, depois da entrega a luxúria, tudo muda. Inseguranças, medo e fantasmas do passado fazem com que essa paixão não seja apenas mais um caso de falta de comunicação. Há muito mais história do que apenas a união de dois corações judiados.
Pode um Aprisionado Coração ser liberto?
Pode um homem maltratado reaprender a amar?

Resenha:
Sabe aquela paixão que envolve e te faz perder o fôlego? Foi o que Artur sentia por Elisa. Desde o início da história entre os dois é mal contada e te faz mergulhar no mundo de ressentimento do poderoso Artur Gonzales.
Betina é uma mulher rejeitada pela família, mas bem recebida pela vida. Ele esbanja sensualidade e confiança, mas por dentro, mora o monstrinho da dúvida de ser o suficiente para alguém.
De um lado um coração cheio de dúvida, do outro, o coração aprisionado em um passado mal resolvido.
“Eu não podia... Aquilo me desolaria.
Fui tolo.
Impulsivo.
Paguei caro por isso.”

A narrativa é em primeira pessoa, alternados entre mocinho e mocinha. Há muitos pensamentos intensos e Sabrina praticamente fez poesia quando expressa tudo isso.  Nada é superficial.

O tema principal do livro é a entrega de Arthur ao que realmente sete por Betina, em Las Vegas, na apresentação de uma famosa cantora. A propósito, quero saber mais sobre Cinara! Todos os personagens são apaixonantes!

Com cenas eróticas provocantes, mocinhos e vilões definidos apenas no final, essa história e essa série está cada vez mais dominando o meu coração!
“— O que é interessante, Arthur?
— Você. Por mais que eu tente, ainda não consegui acessá-la. Você me intriga, Betina.”

Autora: Sabrina Lucas Facebook Wattpad  HomePage

Sobre: Sabrina Lucas, 35 anos, natural de Xanxerê -SC, atualmente reside em Curitiba-RS.
Formada em Processos Gerenciais, com MBA em Gestão de Pessoas e Recursos Humanos, buscou nos livros uma maneira de passar o tempo livre, tornando-se uma leitora voraz. Na adolescência, gostava de escrever poesias e, por incentivo de algumas amigas virtuais, que conhecera em grupos de leitura online, arriscou-se em criar suas próprias histórias.

Onde Comprar:

Diana Scarpine – Uma Chance Para Recomeçar


Sinopse:
Carina é uma workaholic risa e bem-sucedida cuja vida se resume ao trabalho. Afogada em estresse, ela não se importa com a solidão que habita seu coração, pois o amor nunca foi uma das suas prioridades, até que algo inusitado acontece. Repentinamente, ela se vê privada do trabalho e deseja aplacar a solidão que a consome, principalmente quando conhece Aurélio, que a trata de uma forma diferente da qual ela está acostumada. Consumido pela tragédia que vitimou sua família e deixou-lhe seqüelas físicas e emocionais, Aurélio não quer nada além de se afundar cada vez mais na dor e na culpa que sente. Suas certezas começam a ficar abaladas à medida que Carina se aproxima cada vez mais dele. Quantos obstáculos precisam ser vencidos para recomeçar? O amor é capaz de vencer as amarras do passado e o preconceito?

Resenha:
Com uma capa denotando uma cena do livro, confesso que num primeiro momento ela não me encheu os olhos. Porém, depois que li a cena, comecei a valorizar mais tudo desse livro. Gostei muito da experiência que essa leitura me trouxe e por isso, vou tentar dar poucos spoilers, para não estragar todo o enredo.

A história são de duas pessoas do nosso dia a dia. Carina era uma boa trabalhadora, com poucos atributos físicos que chamavam atenção e Aurélio era um homem amargurado, insensível e preconceituoso, inclusive com ele mesmo, que é deficiente e tem queimaduras pelo corpo. Eles se conhecem, porque Carina precisa fazer fisioterapia e Aurélio é massoterapeuta na clínica que ela frequenta.

Cheio de lições de vida, informações históricas e geográficas de Jequié, esse livro pode parecer muito monótono no início, trazendo muitos pensamentos e divagações da personagem principal, mas quando o casal começa a interagir, a curiosidade é maior e a leitura fluí agradavelmente.
"A atração que ela exercia sobre mim tinha imensas proporções, e era tão intensa como aquela que o Sol exercia sobre a Terra."

A narração é em primeira pessoa, grande parte de Carina e algumas partes de Aurélio. As frases de reflexão e impacto são características principais desse romance.
"O tempo é implacável! Não respeita a dor, a frustração ou o vazio. Ele simplesmente passa, arrastando consigo esse sentimentos para um incômodo passado, mas não para o esquecimento completo."
  
Ambos são personagens muito complexos, com muitas inseguranças e alta estima baixa. 
"É muito triste você saber que não é querida, que ninguém liga pra o que acontece com você."


Foi um misto de emoções saber o que passa na cabeça de pessoas assim, o quanto eles vêem apenas o lado ruim de tudo. A sensibilidade deles é perceptível para quem lê e com certeza indicarei essa leitura para quem gosta de realidade e fortes emoções.

Autora: Diana Scarpine Facebook

Sobre a autora: Diana Scarpine é baiana da cidade de Jequié, possui graduação em Ciências Biológicas (UESB), mestrado em Enfermagem e Saúde (PPGES/UESB) e atualmente cursa doutorado em Política Científica e Tecnológica pela Unicamp (PPGPCT/Unicamp), no qual tem se dedicado ao estudo da deficiência e da Tecnologia Assistiva. Apaixonada por literatura, escreve desde os treze anos de idade, transitando entre a prosa e a poesia. Além de “Uma Chance para Recomeçar” (Pandorga, 2016), é autora de “Entrelace: Caminhos que se Cruzam ao Acaso” (2012).

Onde Comprar: